Por Flaviana Aoki
Engª Civil – CREA 16.135 D/PA

As mulheres estão tomando cada vez mais espaços em setores da economia que antes eram dominados apenas pelos homens. É verdade que ainda há aqueles, como a construção civil, que são caracterizados pelo trabalho masculino. Mas mesmo nesses já há mulheres que mostram também ter condições de realizar um excelente trabalho e se sentem mais confortáveis em atuar, mesmo que em minoria.
Há 16 anos no ramo de construção, vejo um vasto mercado que acolhe essa mão de obra, Engenheiras, arquitetas, técnicas e designers estão ocupando mais postos de trabalho nos canteiros e praças de obras, seja como chefes de projeto, engenheiras ou cabeças do processo produtivo do setor.
Em tempos de retomada de crescimento, contar com o apoio do trabalho de profissionais capacitadas com talentos mais precisos e delicados pode fazer a diferença para reerguer o faturamento da área e conseguir assim gerar ainda mais emprego e renda.
A dica é: Capacitação profissional para buscar oportunidades no mercado da construção civil, que hoje ainda há pouca demanda dessa profissional com capacidade de se atentar aos pequenos detalhes, isso fora a capacidade de fazer várias tarefas ao mesmo tempo com atenção, paciência e cuidado, o que é uma das características diferenciais das mulheres no mercado de construção.