Com DJ I’Garcia

A música é o que sempre dá o ritmo da festa, e quando a seleção de hits está por conta do DJ I’Garcia, pode esperar muita agitação. Ele se tornou o rei das pistas e anda com a agenda lotada para tocar em formaturas, casamentos, aniversários e happy hours, e ainda tem pique para administrar a própria empresa de eventos. A Revista Janela VIP bateu um papo com Igor Garcia e descobriu qual é a história do DJ que tem bombado nas festas de toda a região.
Igor conta que foi a curiosidade e muito estudo que abriram os caminhos para essa arte. Começou trabalhando em pequenos eventos da própria empresa, e assim lá se foram 10 anos em que se consagrou o DJ I’Garcia. Ele já perdeu a conta de quantas noites dedicou para, literalmente, fazer a festa dos outros e que o segredo para encarar noites e noites sem dormir e ver o trabalho com prazer. “Eu prefiro dizer que me divirto também, quando estou trabalhando. Estou acostumado com a adrenalina dos eventos, então sempre é uma diversão.”
De fato, o DJ recebe a todos com um sorriso largo e deixa os convidados bem à vontade. Além da seleção preparada especificamente para cada evento, ele conta que tem sempre uma carta na manga. “Hoje em dia, pra ser DJ, a pessoa tem que entender de pista e ficar de olho nos detalhes do evento. Já tenho a prática de olhar e entender a hora em que é preciso mudar a música até agradar, vou puxando a galera de um a um”, relata Igor.
E é assim que ele consegue manter o salão do jeito que mais gosta: lotado. “Sou acostumado com a agitação, por isso toco de tudo e fico de olho nas novidades. Faço sempre uma mistura do antigo com o novo. Gosto de instigar o sentimento das pessoas, músicas antigas sempre trazem grandes emoções.”
E quem pensa que o trabalho na noite é moleza, se engana; na trajetória já passou por algumas situações inusitadas que renderam saia justa e exigiram muito jogo de cintura. Para resolver tudo com tranquilidade, explica que um dos maiores presentes de todos esses anos são os amigos conquistados. “Muitas pessoas se tornaram verdadeiras parceiras da vida, são DJs, cerimonialistas e fotógrafos, levo comigo um pouco da cultura de cada um.”
Tocar em grandes festivais não está nos planos do DJ que confessou preferir mesmo estar perto dos convidados. “Gosto de eventos que envolvam o contato mais próximo das pessoas. A minha motivação é ver as pessoas dançando e sorrindo na pista”.
Nesse caso, quem tiver a sorte de ir a uma festa em que o DJ I’Garcia estiver no comando da pista, é bom ir preparado para dançar a noite toda sem parar.