Com Bruno Wariss

No mês em que se comemora o Dia Nacional do Café, a Revista Janela VIP convida você para relembrar uma matéria incrível sobre os benefícios dessa bebida que é paixão mundial.
Sabe aquele aroma que invade a casa logo cedo e anuncia que o dia já começou? Alguns preferem amargo, outros com leite, há quem goste puro com um pouco de açúcar e as possibilidades de combinações são infinitas. Estamos falando do café nosso de cada dia.
Quem nunca recorreu a uma xícara quente para despertar? Ou numa pausa aproveitou para iluminar as ideias enquanto beberica um expresso? O café é mesmo um companheiro que cai bem a qualquer hora. A bebida tão popular pode trazer uma série de benefícios à saúde, já que ajuda a estabilizar os batimentos cardíacos, combate a diabetes tipo 2, osteoporose, depressão, acelera o metabolismo e ajuda na perda de peso. E uma coisa que pouca gente sabe é que o café combate os radicais livres e desacelera o envelhecimento, pois tem muito mais antioxidante que qualquer outra bebida.
É transformando grãos em sabor que o Alquimista Cafés está fazendo uma reviravolta nas xícaras e eventos de todo o estado. “Antigamente a mesa de café era ali, afastada, você ia saindo e se servia. A minha proposta é diferente, estou desde o começo do evento com a mesa preparada. Eu acabo sendo o alimento da entrada e o alimento da saída”, disse Bruno Wariss, barista e proprietário do Alquimista Cafés.
Além disso, Bruno tem se destacado também quando mistura café com sabores regionais servidos gelados. Os drinks levam pupunha, bacuri, muruci, cupuaçu e castanha-do-pará e são de criação desse paraense. Ele acredita que o paladar das pessoas está mais atento ao que consome. “E assim como a gente é exigente com vinho, azeite, mel e chá, com o café é a mesma coisa; é uma tendência mundial”, explica Bruno que oferece curso de barismo para os interessados em aprender alguns segredos do preparo da bebida.
Se deu vontade de tomar um café, fique esperto! O Alquimista pode estar mais perto do que você imagina. A empresa tem investido em estar em todos os lugares onde pode surgir uma boa conversa. E foi entre uma xícara e outra que Bruno revelou à nossa equipe como iniciou a paixão pelo café. Seu bisavô, vindo de Portugal, iniciou um negócio familiar com grãos produzidos no Brasil. De lá pra cá, a empresa foi passada por gerações, até que a família tomou novos rumos do empreendimento. Mas, por uma atração inexplicável, Bruno acabou sendo convidado a ser um distribuidor de café aqui na região e ficou difícil evitar essa relação tão íntima com o grão. “Não fui eu quem achou o café. Foi o café quem me achou”, conclui.

@alquimistacafes