Sabe aquele cheiro de comida de mãe? Aquela receita da vovó que você tanto ama? As refeições em família são momentos de fraternidade. Essa tradição de se reunir ao redor da mesa na expectativa da receita familiar até tem se perdido um pouco, mas ainda vive em nossa memória, sobretudo afetiva. Quem nunca experimentou um prato que recordasse a casa de nossos pais e avós? A sensação é de extrema alegria e satisfação. E é exatamente essa experiência de proximidade que O Celeiro Frutos da Lavoura traz em seu cardápio.
Grande parte do menu é fruto de receitas tradicionais dos avós da proprietária Sonia Sedlak, a origem europeia da maioria dos pratos trouxe para o espaço uma gastronomia caseira. “Tudo o que a gente faz no Celeiro é a extensão da nossa casa. Aquilo que nos faz sentir bem, queremos que o cliente sinta, desde o ambiente ou comendo algo fabricado aqui, porque temos cuidado na elaboração para que tudo seja o mais natural possível,” destaca Sonia. E foi assim, que Caroline Sedlak aprendeu as receitas com a mãe e a avó e trouxe a inovação com sabores regionais para dentro do Celeiro. Um exemplo é o Crostoli, mais conhecido como Calça Virada, um produto que faz tanto sucesso nas reuniões da família quanto na escolha dos clientes. “Além da cultura enraizada nas receitas, a gente inova com a incorporação paraense. Sempre tendo nossa raiz como primeiro pilar. Pegamos as coisas antigas e aprimoramos,” explica Caroline que é quem testa novas combinações, sempre com a orientação da mãe Sonia.
Dizem que segredos de receitas de família não se revelam, mas Sonia faz questão de destacar os ingredientes especiais do sucesso do Celeiro. “Trabalhamos com a verdade, isso é qualidade de vida. Colocar amor em tudo, faz a diferença. Eu sou exigente e coloquei a exigência no negócio. Levo a exigência materna de ter o melhor para os meus filhos e para o Celeiro” completa explicando porque tudo no Celeiro tem sabor especial, igual colo de mãe.

O CELEIRO