Por Leonell Batista
Fisioterapia e Quiropraxia Clínica

Quase todo mundo tem em casa uma pequena farmácia onde guarda aquele restinho de xarope que sobrou do último resfriado, comprimidos para uma dor de cabeça e, aos poucos, uma variedade de medicamentos que vão se acumulando. E quando aparece uma dor ou um mal-estar, é comum primeiro recorrermos a esses medicamentos que são vendidos sem prescrição médica. O problema é que essa automedicação pode ser muito perigosa à saúde. Primeiro, porque há sempre o risco de uma intoxicação medicamentosa. Depois, no caso de antibióticos, o consumo de forma errada pode aumentar ainda mais a resistência da doença e aí o organismo acaba tendo dificuldades em se curar daquele problema.
O ideal é buscar profissional que identifique a origem da dor, antes mesmo da ingestão de remédios, pois eles podem mascarar o problema.
É por isso que a fisioterapia se utiliza de várias técnicas, fazendo com que dores recorrentes sejam tratadas sem medicamentos. O fisioterapeuta é o profissional que está apto a identificar a origem da lesão, assim como preveni-la. Muitas vezes, as dores fazem parte de uma rotina desregrada ou inadequada, como mesas de trabalho mal posicionadas, atividades físicas com cargas mal executadas ou até mesmo a postura corporal errada. Baseada nesses fatores, a fisioterapia tem como um dos passos do tratamento a mudança de hábitos de vida.
É importante lembrar que o corpo humano foi feito para se movimentar e que a causa de muitas dores é, a princípio, o sedentarismo. Para se ter uma vida saudável e sem dor, a primeira medida é a mudança de hábitos, movimente-se e procure atendimento com um fisioterapeuta, para que ele regularize todas as estruturas do seu corpo!